SENTIR FOME NÃO É OPÇÃO!

O que pensamos sobre a fome? Somente quem já sentiu pode dimensionar essa dor!

A fome é um problema social mundial não menos grave no Brasil e que diante da gestão pública se percebe o quanto é jogada para as últimas das prioridades, transformando essa necessidade básica do ser humano em uma mera questão a ser resolvida no meio de tantas, quem sabe se possa fazer algo sobre isso, e vemos o que é feito: ações assistencialistas, nada muda de fato, fazendo que muitos vivam abaixo da linha da pobreza.

A preocupação não é quanto à quantidade de pessoas que “passam fome” e sim que diante de tanta riqueza “pessoas passam fome”. Não se trata de quantificar e sim de dar qualidade frente a um direito básico e de extrema urgência humana.

São tantos os argumentos para a existência da fome: a globalização, crises políticas, crises econômicas, corrupção, entre outras que, provocam as diferenças sociais através da perversa divisão de renda e sobre o que muito se fala, mas pouco se age. Os programas voltados para o problema e divulgados na mídia sob diferentes denominações são paliativos ou eleitoreiros e, não raro, fraudulentos e objeto de desvio do dinheiro público que, ao ser constatado simplesmente vai passando e sendo esquecido ou superado por outro “caso” de maior importância na mídia.

É normal presenciarmos pessoas que despejam toda a culpa no povo, com a frase de que a nossa cultura é essa mesmo, “quem mandou votar nesse ou naquele político?”. Será que essas pessoas já passaram fome? Assistimos todos os dias na mídia a situação precária da educação, principalmente a pública, com a qualidade do ensino comprometida pela falta de merenda, de segurança, escolas distantes, transporte e estrutura física destruídas, apenas para citar os principais pontos. Chega a ser uma hipocrisia querer que alguém passe a acreditar em cidadania quando a existência da fome sinaliza a sua falta - exigência imediata e direito contemplado pela constituição brasileira.

Enquanto não existir uma política justa de distribuição de renda e de direitos, enquanto não existir uma gestão pública transparente com menos perda de tempo com vaidades na busca de poder e utilização de bens e serviços públicos para benefício próprio, enquanto não se garantir a prática da justiça de maus gestores que usam a política somente para obter privilégios pessoais, enquanto leis estiverem somente registradas no papel, mas não se vivenciar a prática que garanta vida digna ao ser humano, fica impossível querer culpar diretamente o povo (eleitor), pois com fome fica impossível raciocinar e separar os bons dos maus políticos.

O Brasil é organizado de forma democrática e para isso contamos com uma quantidade imensa de gestores que tem o compromisso de oferecer ao “povo” um país justo. A remuneração paga pela população (a que passa fome paga indiretamente) é exageradamente alta quando comparamos ao valor do salário mínimo e dos salários de profissionais importantes para garantia do progresso do país: professores, médicos, entre outros. Entretanto nossos “gestores” estão demonstrando um saldo negativo há muitos anos, que não só faz progredir a fome como principalmente cria distanciamento entre o povo brasileiro e seus direitos. Estamos frente a essa realidade funcional política: pessoas na miséria para serem propensas a manipulação e não articuladoras em busca de seus direitos.

É preciso criar ações que sejam dirigidas aos causadores de toda essa destruição – GESTORES PÚBLICOS nas esferas municipais, estaduais e federais. Estamos invertendo o valor de “culpa” e, aos poucos, será comum escutar que o povo sente fome por opção.





Professores Adriana Marques e Alfredo Argus

6 comentários:

  1. OLÁ...TUDO BEM??
    O TEU BLOG É LINDO...
    MUITO BEM ORGANIZADO....
    ADMIRÁVEL

    GRANDE ABRAÇO ....BELA POSTAGEM

    BRUNO

    O TROVADOR SOLITÁRIO

    ResponderExcluir
  2. MUITO BOM, LINDO BLOG! Eu acredito que Deus criou o homem e deixou o manual de instrução, a “BÍBLIA SAGRADA!” A bíblia é a divina revelação da palavra de Deus e não produtos enlatados, eu costumo dizer que: “As pessoas precisam parar de comer tudo o que dão. E começar a questionar! ” Alguém escuta alguma coisa de alguém, e saem falando, sem questionar, sem saber se é verdade ou não. As pessoas precisam se perguntar! Será que a minha crença esta de acordo com a lei de Deus? Será que a religião que eu nasci sempre me falou a verdade? Quando uma pessoa morre pra onde ela vai? Ela volta? A bíblia apoia o homossexualismo? Quem não herdara o reino de Deus? O que devo saber sobre idolatria, imagens e escultura? O que devo saber sobre o único batismo? Será que tem uma sequência para salvação? A quem eu devo me confessar, quem pode me perdoar? Religião salva alguém? Essas e outras perguntas e respostas em: www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com Você pode dizer, eu já sou salvo amém! Vamos atrás de quem não esta, “Se você quer se dar bem com o mundo seja hipócrita, mas se você quer se dar bem com Deu seja verdadeiro!” divulgue este site, porque : “Eis que vêm dias, diz o Senhor Jeová, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. E irão vagabundos de um mar até outro mar, e do norte até ao oriente; correrão por toda parte, buscando a palavra do Senhor, e não a acharão." ( Amós cap 8 ver 11 e 12 )Fale para outras pessoas, por que “O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns têm por tardia: mas é longânimo para convosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. ”(II Pedro cap. 3 ver 8) e “Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo o homem. (I A Timóteo cap 2 ver 5 e 6) Seja sua bíblia, católica ou evangélica, aqui você vai tirar suas duvidas. www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertara (João cap 8 ver 32) Se você tiver coragem de perguntar, a bíblia terá coragem de responder!

    ResponderExcluir
  3. Boa noite Adriana,infelizmente chegamos a um ponto em que os gestores públicos,estão voltados mais para suas próprias famílias(nepotismo puro)e para o enriquecimento ilícito ,através de falcatruas disseminadas em todas as esferas de poder.Quem vai atirar a primeira pedra neles?

    ResponderExcluir
  4. olá, agradeço muito pelos comentários. Acredito que temos sim que fazer algo, é inacreditável como o ser humano consegue com o poder alavancar sua meta em ser egoísta, triste que não consegue ver que tudo aqui fica, nada levamos desse mundo.

    Abraço.

    Adriana Marques

    ResponderExcluir
  5. Minhas saudações da França! Depois de visitar seu blog, eu não poderia deixar sem colocar um comentário.
    Quero parabenizá-lo no seu blog!
    Talvez eu teria a oportunidade de recebê-lo na minha também!
    bom dia
    cordialmente
    Chris
    http://sweetmelody87.blogspot.com/
    FELIZ NATAL

    ResponderExcluir
  6. Chris, olá!!!!

    Muito obrigada, com certeza irei até seu blog.

    Abraço,

    Adriana Marques

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar seu comentário aqui....